Palavras Domesticadas

Palavras Domesticadas

sábado, 19 de fevereiro de 2011

Os Clássicos Rock Stars


A literatura-rock sempre me interessou. Livros que contam a história do gênero, num conceito histórico, social, comportamental, estético, etc. Existem ótimos escritores e jornalistas que se preocupam em pesquisar e analisar o que o rock representou e ainda representa como elemento catalisador de mudanças, sejam elas sociais, políticas, tecnológicas, e como fenômeno de massa - os festivais de rock que, principalmente nos anos 60 e 70 ( e ainda hoje) atraiam multidões de jovens para ouvir seus músicos preferidos e interagirem entre si, é uma prova disso.

O livro Os Clássicos Rock Stars, lançado em 1989, em ediçao de luxo - capa dura, papel couchê, formato grande, 224 páginas, traz um ótimo texto do jornalista e pesquisador americano Peter Herring. A obra ainda traz um excelente material fotográfico, fornecido pelo estúdio David Redfern Photography. Sobre o fotógrafo, o livro diz:
"Desde o início dos anos 60, David Redfern tem tido uma carreira vitoriosa como fotógrafo especializado em música, cobrindo os grandes nomes do jazz, rock e blues. Seu trabalho tem aparecido em muitas capas de discos, ao longo dos anos, e atualmente ele é proprietário de um grande arquivo fotográfico, em seu estúdio de Convente Garden, em Londres."

O livro é dividido em vários capítulos, cada qual destacando um gênero ou um segmento de artistas ou bandas, como por exemplo, Superstars (Elvis, Michael Jackson, Dylan, Clapton, Bowie), Supergroups (Beach Boys, Beatles, Doors, Led, The Who, Pink Floyd), Off Bert (The Jam, Blondie, The Clash, Sex Pistols, Frank Zappa), Black Magic (Bob Marley, Ray Charles, Stevie Wonder, Ottis Redding, James Brown) Roots (Buddy Holly, BB King, Chuck Berry, Lou Reed), Great British (Genesis, Roxy Music, Status Quo).

Os artistas e grupos destacados, além das ótimas fotos, têm suas vidas e carreiras contadas, acompanhados de uma discoteca básica. Os textos são bem escritos, e o livro é bastante abrangente, pois destaca não só o rock clássico, como também alguns artistas e grupos que podem ser considerados de menor importância em um contexto histórico, mas que por algum motivo, mereceram do autor algum destaque em sua obra.
Trata-se de um bom livro para figurar na estante de quem se interessa por rock, sua história e imagens.

4 comentários:

  1. Eu tenho este livro, recomendo. Muito bem escrito, os artistas são cada capitulo memorável. Beatles, The Doors, Duran Duran. Hoje em dia não se escrevem mas livros como este, uma raridade na literatura.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, é um excelente livro. Obrigado pelo comentário

      Excluir